de Fernando Martins
Editado por Fernando Martins | Terça-feira, 16 Março , 2010, 11:46

 

Para os que gostam de rir, e não só

 

 

Intervenção de Ricardo Araújo Pereira na mesa-redonda «Deus: questão para Crentes e não-Crentes", organizada pela comunidade da Capela do Rato (Lisboa).

1.ª parte: "Para nós, ateus, a morte é um sono sem sonhos e nós continuamos com um mau perder em relação a isso. Não é fácil. E por isso, onde é que eu vou buscar conforto? À Bíblia (não sei se já ouviram falar). Especialmente a um dos meu livros favoritos, que é o do Eclesiastes."

 

Podem ver e ouvir os vídeos aqui

 

 


Editado por Fernando Martins | Domingo, 29 Novembro , 2009, 12:09

«O escritor e editor Francisco José Viegas apresentou a nova edição e não evitou a polémica a propósito das declarações de Saramago. "A Bíblia não é um manual de costumes", disse Viegas, que se definiu como alguém "inquietado pela Bíblia".

"Há um conforto que vem da inquietação" que a leitura do texto bíblico provoca, disse. E a leitura deve levar o leitor a perder-se. Citou um rabi judeu: "Não perguntes o caminho a quem o conhece, pois de contrário não te poderás perder". A leitura da Bíblia, tal como as críticas, é interminável, disse ainda. Por isso seria "confrangedor" remeter o texto para as "velharias da humanidade".»

Ler mais aqui

Ler também na LER "Diário de ocasião" do mesmo escritor
tags:

Editado por Fernando Martins | Quarta-feira, 25 Novembro , 2009, 11:27


DEUS ESTÁ NO MEIO DE NÓS

Comecei hoje a ler a Bíblia, na sua edição literária. Digo ler, porque apenas a tinha lido na edição normal, em uso na Igreja Católica, com as respectivas e muito importantes  notas introdutórias em cada um dos seus livros e de rodapé. Agora tenho a mais recente edição, que demorou uns 30 anos a traduzir e a publicar, culminando um trabalho de vários especialistas, católicos e protestantes, de renome.
Comecei a ler, e  desde logo senti algo de muito diferente. A tradução oferece-nos um texto em linguagem corrente, o que faz com que mais facilmente possamos entrar no texto e no contexto. Parece uma livro acabado de escrever por escritor  multifacetado e com um jeito especial para nos convidar a prosseguir na leitura do mais publicado livro de todos os tempos.
Penso que esta edição vai ter um enorme êxito. Esta edição da Bíblia é um extraordinário convite, aberto a toda a gente, crentes ou não crentes, para  lermos uma biblioteca muito completa, com obras que abrangem vários domínios, de diversas épocas. História, poesia, contos, códigos, parábolas, provérbios, professias, cartas, tudo a oferecer-nos pistas de mensagens, de caminhos de vida nova, de um Deus que, afinal, está, hoje como sempre, no meio de nós e que podemos descobrir no dia-a-dia.  Se quisermos, claro.

Fernando Martins
tags:

Editado por Fernando Martins | Quinta-feira, 12 Novembro , 2009, 11:10


Boa pergunta de Francisco José Viegas
e a sua resposta:

"Para ler. Para que a sabedoria e o conforto se encontrem algum dia, independentemente das nossas crenças, da nossa fé ou da nossa ausência de fé. Esta Bíblia [Edição Temas e Debates / Círculo de Leitores / Sociedade Bíblica] não é apenas o resultado de um esforço ecuménico num mundo em que as religiões  têm servido mais para desunir do que para unir. É uma iluminação milagrosa. Nós, os leitores da Bíblia, somos os servos da dúvida. Os servos voluntários da dúvida e da beleza. Porque servem a palavra que sobreviveu."

In revista Ler

tags:

Editado por Fernando Martins | Domingo, 01 Novembro , 2009, 21:13
Na crónica deste domingo no Público, frei Bento Domingues regressa ao tema da Bíblia para se referir também a uma presença portuguesa na Escola Bíblica e Arqueológica de Jerusalém: a de frei Francolino Gonçalves.

Leia excertos do texto aqui.
tags:

Editado por Fernando Martins | Sábado, 31 Outubro , 2009, 23:13
A não perder, para quem gosta de saber mais





"Caim" - a desilusão

O teólogo católico Joaquim Carreira das Neves explica por que ficou desiludido com a leitura do livro "Caim". Em artigo de opinião, escreve que José Saramago "pode ficar totalmente em paz porque só é herege quem é crente". E agradece o convite, feito pelo escritor e pela mulher, Pilar del Río, para visitar Lanzarote.

Ler o texto do Padre Carreira das Neves aqui

NOTA: Texto e ilustração do Expresso

Editado por Fernando Martins | Domingo, 25 Outubro , 2009, 12:35
Sobre a polémica causada pelas afirmações de Saramago, a propósito do seu recente livro Caim, Frei Bento Domingues diz, a abrir a sua crónica de hoje no PÚBLICO, o seguinte:




"Seja qual for o interesse literário de Caim de José Saramago, as declarações feitas no seu lançamento foram interpretadas em registo publicitário: o importante não é que se diga bem ou mal; o importante é que se fale."

Nota: Sabido é que a maioria (ainda não suficientemente quantificável) dos católicos não lê a Bíblia com regularidade. Os que participam nas missas, contudo, têm a oportunidade de ouvir leituras bíblicas, com a respectiva adaptação aos dias de hoje, expressa nas homilias. Às vezes os celebrantes esquecem-se disso, mas isso é outro assunto. Com esta polémica, publicitária ou não, estou em crer que, por via dela, haverá muitos que vão pegar no Livro Sagrado dos cristãos, para, enfim, poderem ver quem tem razão. De qualquer modo, não se pense que é assim tão fácil. Ler o Antigo Testamento fora do contexto da época, atendendo apenas à letra do texto, e não ao espírito do mesmo texto, pode ser não aconselhável. Mas leia-se a Biblia e quando houver dúvidas, que haverá certamente, então consulte-se quem sabe.

FM

Editado por Fernando Martins | Quarta-feira, 21 Outubro , 2009, 11:14


Robôt "Copista"

Já chegou a BÍBLIA para todos

"O projecto nasceu há 40 anos, demorou 20 a ser traduzido por católicos e evangélicos, e outros 10 de revisão. “A Bíblia para Todos”, ontem lançada, apresenta-se numa edição traduzida sem indicação de capítulos, versículos e notas explicativas. Mas dentro de dois meses, a mesma edição será enriquecida com capítulos, versículos, introduções e notas críticas.
Durante a sessão de apresentação, o escritor Francisco José Viegas lembrou que “a Bíblia como nós a termos aqui não é, ao contrário do que se disse nos últimos dias, um manual de costumes, não é um manifesto para mudar o mundo, não é um repositório de observações sobre política e sexualidade”.
“O mais importante nesta edição – acrescentou – é que se trata de um conjunto de narrativas que transitam de um povo errante para uma civilização que ocupou o seu lugar no mapa”.

Ler mais aqui

Editado por Fernando Martins | Domingo, 18 Outubro , 2009, 20:00
No melhor Nobel cai a nódoa

José Saramago lê a Bíblia - e isso é uma boa notícia, porque a Bíblia é grande literatura, como sabe qualquer pessoa culta, mesmo quando não se é crente; e é um texto que acompanha a história da humanidade, através da poesia, da história, das parábolas.

Leiam aqui António Marujo
tags:

Editado por Fernando Martins | Sábado, 17 Outubro , 2009, 09:51


Evangélicos lêem mais a Bíblia

"A Sociedade Bíblica vai anunciar uma nova tradução da Bíblia, inédita em Portugal: pela primeira vez, estará disponível uma edição literária, isto é, sem indicação de capítulos, versículos ou subtítulos. Esta edição, preparada por uma equipa de tradutores católicos e protestantes, será apresentada a 20 de Outubro pelo escritor Francisco José Viegas. A comercialização será feita pelo Círculo de Leitores e Temas e Debates.

Na mesma ocasião, serão apresentados os resultados de uma sondagem inédita sobre a leitura da Bíblia em Portugal. De acordo com alguns dados a que o Público teve acesso, quase toda a população (mais de 97 por cento) conhece a Bíblia. No que toca à leitura, quase dez por cento já leram o texto integral, enquanto 90 por cento dizem ter lido passagens soltas.
As categorias que menos lêem a Bíblia são os católicos não-praticantes e os ateus. Dez por cento dos que responderam ao inquérito consideram-se ateus e agnósticos. Entre estes, nove por cento de ateus e seis por cento de agnósticos não conhecem a Bíblia e manifestam resistência à ideia de conhecer o texto. Os que mais lêem estão entre os protestantes/evangélicos e as Testemunhas de Jeová - em conjunto, são 2,3 por cento da população, mas todos leram a Bíblia e quase todos têm um exemplar."

Ler mais aqui



Editado por Fernando Martins | Sábado, 11 Julho , 2009, 11:54

«São velhos e poeirentos mas iluminam uma história com mais de 2 mil anos. No dia 28 de Junho, Bento XVI aproveitou a missa dominical em Roma para fazer um anúncio. As análises a um esqueleto enterrado nas catacumbas da Basílica de São Paulo, em Roma, pertencem a um homem que viveu entre o século 1 e 2. "Parecem confirmar a unânime e incontestável tradição de que são os restos mortais do apóstolo Paulo", declarou o papa alemão. "Esta descoberta comove-nos profundamente."»
Leia mais aqui

Editado por Fernando Martins | Domingo, 07 Dezembro , 2008, 11:18

Alice Vieira evocou no Jornal de Notícias um escritor brasileiro que muito a marcou. Diz assim: "Erico Veríssimo foi um dos homens da minha vida. Não houve escritor nenhum que me tivesse influenciado tanto. Acho mesmo que a vontade de escrever, a descoberta da maravilha que era usar as palavras para contar uma história - e, mais do que isso, para transmitir uma emoção - foi com ele que aprendi."
Esta evocação também me trouxe à memória uma entrevista que este escritor, autor de "Olhai os Lírios do Campo", concedeu a Igrejas Caeiro, numa rádio que não posso precisar. À pergunta do entrevistador, sobre qual era o seu livro de mesa-de-cabeceira, Erico Veríssimo respondeu que era a Bíblia.
- É crente? - questionou Igrejas Caeiro.
- Não.
- Como assim?
- É que ainda não encontrei nenhum código de vida superior à Bíblia! - respondeu o escritor.
FM

mais sobre mim
Junho 2010
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9

15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


arquivos
as minhas fotos
pesquisar neste blog
 
Contador - 1
blogs SAPO
subscrever feeds