de Fernando Martins
Editado por Fernando Martins | Sábado, 09 Fevereiro , 2008, 20:50



Manuel Alegre, um histórico do PS, está descontente com a política protagonizada pelo seu partido. Hoje, num encontro com apoiantes ligados à sua candidatura a Presidente da República, à revelia e mesmo contra o candidato do seu partido, Mário Soares, denunciou a política actual. Presentemente, é um crítico contundente da política de Sócrates, mostrando esse descontentamento a todo o momento.
À saída do encontro, afirmou que, até hoje, ainda não compreendeu a política levada a cabo pelo Governo do PS. E acrescentou: “Não se pode fechar coisas sem criar alternativas, além de que fechar serviços públicos em zonas do país onde não existe mais nada é deixar as pessoas com menos do que nada e numa situação de abandono, de aflição, e com a sensação de que foram desprotegidas e abandonadas pelo Estado democrático.”
Depois deixou recados. Para o seu partido e para o País: É preciso refrescar a democracia; o povo português está triste; não há debate no PS; é necessário reformar o sistema; os partidos não se regeneram com facilidade por dentro; há um buraco negro no partido [PS], na democracia e no País. Claro que não é só o PS o culpado. O sistema [onde é que eu ouvi isto?] já vem de trás!
Será que os nossos políticos andam cegos? É que não vêem a realidade do povo português, que vive numa angústia terrível, alimentada pela incerteza do amanhã.

FM
tags:

mais sobre mim
Fevereiro 2008
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2

3
4
5
6
7
8
9





arquivos
as minhas fotos
pesquisar neste blog
 
blogs SAPO