de Fernando Martins
Editado por Fernando Martins | Terça-feira, 20 Abril , 2010, 18:21

Ainda não leu a Carta que Luís Gomes de Carvalho enviou ao regente do reino, mais tarde D. João VI, anunciando a abertura da barra? Então pode lê-la aqui.


Editado por Fernando Martins | Terça-feira, 20 Abril , 2010, 16:50

ABRIL | SÁB 24 às 21h30

 

 

Espectáculo em prol do

Hospital de Cuidados Continuados

 

 

 

 

O Orfeão da Santa Casa da Misericórdia de Ílhavo, dirigido pelo Maestro Jorge Ferreira, celebra o seu 2.º aniversário e associa-se à comemoração dos 91 anos daquela Santa Casa, num espectáculo único, cujas receitas revertem para as obras do Hospital de Cuidados Continuados Integrados de Ílhavo. O espectáculo realiza-se no Centro Cultural e a entrada custa cinco euros.

Além do Orfeão da Santa Casa da Misericórdia de Ílhavo, são convidados o Orfeão Dr. João Antunes (Condeixa-A-Nova), Orfeão da Associação Instrução e Recreio 1.º de Maio Alfarelense (Alfarelos) e a Banda dos Bombeiros Voluntários de Ílhavo (Música Nova).

 

 

 

Editado por Fernando Martins | Terça-feira, 20 Abril , 2010, 15:34

 

 

 

 

Partamos

 

Partamos!...

a sorrir… de mãos dadas…

olhos presos no azul do Infinito…

embriagando-nos de luz…

— da luz pura e renovadora da Verdade —

galgando «encostas»…

escalando «rochedos»…

conquistando, enfim, as cristas nevadas!...

 

Ferimos as mãos?...

Tingimos de sangue as pedras dos caminhos?...

Sentimos vertigens à borda de abismos?...

Que importa?

 

Todo o esforço é uma conquista…

a vida é uma conquista…

que nos deixará na alma, no coração,

em todo o nosso ser, uma alegria justa e imensa…

 — a alegria indizível de vencer!...

 

Subamos!...

É preciso subir para viver…

Subir para ver mais longe…

Subir para compreender os nossos irmãos…

Subir para abraçar a Humanidade inteira…

 

Partamos, então, a sorrir, de mãos dadas…

Calcorreando caminhos e estradas...

cobertas de pó e de suor…

mas a cantar… a cantar…

irradiando à nossa volta

ALEGRIA

AMOR…

 

Irmã Maria Rosa

 

 

In Timoneiro, Fevereiro de 1984

 

 

NOTA: Presto hoje uma singela homenagem a uma pessoa que conheci na década de oitenta do século passado. Chamava-ve  Maria Rosa e era uma consagrada  das Religiosas do Amor de Deus. Tirou o curso de Educadora de Infância já madura. E trabalhou, como coordenadora do jardim e Creche da Obra da Providência, durante algum tempo. Pessoa exigente, responsável, e com capacidade de iniciativa. Frontal sem esconder o lado espiritual da vida.  

Há dias encontrei uns poemas seus no Timoneiro e tanto bastou para a lembrar com alguma emoção. Em momentos especiais não se esqueceu de mim. Regressou lá para os lados de Lisboa, onde continuou a trabalhar. Anos depois reconheci-a num concurso da Televisão, para conseguir fundos para uma  acção que estava a desenvolver. Ganhou uma verba, que não consigo precisar, e ficou feliz. Soube, mais tarde, que tinha falecido.

Recordo-a com saudade.

 

FM

 

Editado por Fernando Martins | Terça-feira, 20 Abril , 2010, 10:24

 

 Responsável pela obra presta informações

 

 

 

Centros Culturais de Ílhavo e Gafanha da Nazaré

vão ter programação complementar

 

O Centro Cultural da Gafanha da Nazaré (CCGN) vai ser inaugurado em 20 de Junho próximo. Assim o garante o programa das celebrações do centenário da criação da freguesia e paróquia que estão em curso.

Quem entra no edifício, como nos aconteceu ontem, depara com obras que fazem esquecer o antigo espaço cultural. E se a primeira impressão é realmente essa, também ficámos a saber que a vida do Centro Cultural vai ser outra. Mais dinâmica, porque ficará a integrar uma programação única para o município, em que os dois edifícios culturais de Ílhavo e Gafanha da Nazaré passarão a ser complementares e dependentes da mesma equipa liderada por José Pina, que vai ser “ligeiramente aumentada”, como nos adiantou o presidente Ribau Esteves.

Durante a visita, o presidente da Câmara lembrou que a remodelação radical por que está a passar o CCGN se impunha por falta de qualidade do que tinha servido a Gafanha da Nazaré. No dia da inauguração do renovado e ampliado espaço cultural, no enquadramento do centenário da freguesia e paróquia, todos poderão confirmar que se trata de um outro edifício, com um auditório com qualidade em termos acústicos para quem trabalha e para quem assiste. Uma sala de exposições com 400 metros quadrados colmata uma falha grave a nível cultural, referiu Ribau Esteves.

Para além disso, haverá gabinetes complementares, com mobiliário adequado para serviços e apoios diversos, ao lado do pólo da Biblioteca e do Fórum da Juventude.

Importa portanto que o povo do concelho se habitue à ideia  de que pode e deve usufruir dos dois Centros Culturais, já que poucos quilómetros os separam. E porque toda a programação será complementar , “haverá eventos que só vamos ter em Ílhavo e outros que só vamos ter na Gafanha da Nazaré”, frisou Ribau Esteves.

 

FM

 

 


mais sobre mim
Abril 2010
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3

4
5
6
7
8
9





arquivos
pesquisar neste blog
 
blogs SAPO
subscrever feeds