de Fernando Martins
Editado por Fernando Martins | Quinta-feira, 11 Março , 2010, 13:42

 
 
 
O Centro Cultural de Ílhavo volta a ser o anfitrião, no próximo dia 13 de Março (Sábado), de mais uma edição do FESTILHA – Festival de Tunas de Ílhavo, cujo início está marcado para as 21h30.
 
Estão este ano a concurso quatro Tunas masculinas de várias Universidades do País, nomeadamente a TAULP – Tuna Académica da Universidade Lusíada do Porto, a Tuna Académica da Universidade Fernando Pessoa (Porto), a Desertuna – Tuna Académica da Universidade da Beira Interior (Covilhã) e os Gatunos - Tuna Masculina da Escola Superior de Estudos Industriais e de Gestão do Politécnico do Porto, acompanhadas, extra-concurso, pela Tuna apoiante na organização do evento – a Tuna Universitária de Aveiro, e pela Tuna Feminina da Associação Académica da Universidade de Aveiro.
A apresentação está a cargo dos sempre divertidos Jogralhos - Grupo de Jograis Universitários do Minho, que seguramente contribuirão para mais um espectáculo memorável no Centro Cultural de Ílhavo.
Renovando o espírito irreverente, boémio e tradicional dos jovens estudantes universitários, com toda a sua alegria e músicas absolutamente únicas, esta 12.ª edição do FESTILHA promete casa cheia, sendo já considerado por muitos como um dos maiores e melhores Festivais de Tunas organizados por uma Câmara Municipal.
 
A entrada para o espectáculo é gratuita, encontrando-se os bilhetes disponíveis no Centro Cultural de Ílhavo a partir do dia 9 de Março (Terça-feira).
Não perca esta oportunidade de assistir a uma noite repleta de alegria e saudade e reserve já o seu lugar!
 
 Fonte: CMI
tags:

Editado por Fernando Martins | Quinta-feira, 11 Março , 2010, 09:00

 

 

O Papa vem aí... e então?
 
Por António Marcelino
 
«O Papa é, no dia-a-dia, esmagado por exigências de que não se consegue libertar e que dificultam a sua missão espiritual. Gente, ainda hoje nostálgica dos tempos de um papado com corte e poder temporal, aplaude e favorece costumes e tradições de triste recordação, que dificultam os caminhos da evangelização e se tornam um peso pessoal indesejável. Grilhões para uns, desejos e anseios para outros. Bento XVI é um homem simples, um homem de fé e sempre disponível para a missão. Deixem-no ser peregrino e testemunha de Cristo. Para isso vem. Não o abafem nem desvirtuem a sua missão. Que a pretexto de o honrarem, não se procurem honras pessoais.»
 
 
 
 

mais sobre mim
Março 2010
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6

7
8
9





arquivos
as minhas fotos
pesquisar neste blog
 
blogs SAPO
subscrever feeds