de Fernando Martins
Editado por Fernando Martins | Sábado, 01 Maio , 2010, 10:00

 

 

 

 

Tempos de paz, de pão e de fraternidade hão-de chegar

 

Celebra-se hoje, 1.º de Maio, o Dia do Trabalhador, em todo o mundo democrático. A história deste dia já todos a conhecem, certamente. Não importa, por isso, repetir até à exaustão as lutas que os trabalhadores tiveram de travar para poderem agora cantar vitória.

Os dias não estão para grandes alegrias, com tantas crises a tingirem de negro os horizontes, mas é preciso acreditar que depois da tempestade vem a bonança. Foi sempre assim. Ao longo da minha vida passaram por mim, ao largo, felizmente, sombras terríveis de sofrimentos, de falta de trabalho, de fomes e de guerras. Depois, as nuvens passaram e o sol da esperança renasceu. Vamos todos esperar que num futuro próximo os dias luminosos, com trabalho para toda a gente, voltem a nascer, revigorados pelas festas do 1.º de Maio.

Na Colónia Agrícola da Gafanha, amanhã, haverá, como se espera, festa rija: muitos trabalhadores da região, envolvidos pela natureza e pelo calor da fraternidade, com bons petiscos à mistura, regados com parcimónia, hão-de passar um dia agradável, com sonhos lindos a darem corpo a projectos de vida melhor, rumo a tempos de paz, de pão e de fraternidade.

 

FM


mais sobre mim
Maio 2010
D
S
T
Q
Q
S
S

1

2
3
4
5
6
7
8

9

19




arquivos
as minhas fotos
pesquisar neste blog
 
blogs SAPO