de Fernando Martins
Editado por Fernando Martins | Sexta-feira, 25 Julho , 2008, 11:30

Ao falar de férias, alguém me dizia ontem, com convicção, que não há nada como a nossa zona. Temos grandes praias e mar chão, onde se pode andar à vontade, sem perigo, por tão bonançoso ser ele quando se confronta com a areia branca, e logo a seguir, se lhe virarmos as costas, com apetência por outros horizontes, deparamos com a ria de águas límpidas e mornas, com espaços e desafios para toda a gente. É verdade. Porém, nós, os da beira-ria, nem sempre nos damos conta das riquezas que temos. Como esta, está bem de ver, de acordar ao som do mar, que rola e rola, e da ria que nos atira cheiros salgados, como que a convidarem-nos para que a apreciemos e desfrutemos. Todo o ano, mas sobretudo nas férias.

Sentinela a 25 de Julho de 2008 às 11:53
Faz hoje, 25 de Julho, 40 anos que foi promulgada, por Sua Santidade o Papa Paulo VI, a encíclica «Humanae Vitae».
Como se sabe, qualquer encíclica é para ser seguida e aplicada por todo o católico.
Como se pode aceitar, então, que um sacerdote «católico», director-adjunto da Faculdade de Teologia da Universidade «Católica», se atreva a censurar o documento do Santo Padre num artigo inserido na agência de notícias da Igreja «Católica» (http://www.agencia.ecclesia.pt/noticia_all.asp?noticiaid=62110&seccaoid=8&tipoid=212)?
Ninguém diz nada? Ninguém faz nada?

Marieke a 26 de Julho de 2008 às 02:53
(...) Ria sonhadora e esquiva
Que o Mar não sabe entender
É ele quem lhe dá vida
No Mar ela vai moorer(...)

Prof. Guilhermino Ramalheira

mais sobre mim
Julho 2008
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9





arquivos
as minhas fotos
pesquisar neste blog
 
blogs SAPO