de Fernando Martins
Editado por Fernando Martins | Quarta-feira, 09 Junho , 2010, 12:06

 

 Sábado,  12 de Junho, às 21h30

 

 

 

 

Exposição de Artes Plásticas e Design

 

 

Abrangendo áreas da criação artística a pintura, a escultura, a fotografia, o vídeo, a instalação e o design, esta iniciativa conta com trabalhos de alunos que frequentam o último ano dos cursos de licenciatura em Artes Plásticas e Design. Nesta segunda edição deste projecto concorreram 28 alunos, com um total de 37 trabalhos seleccionados, de escolas de norte a sul do país continental e do arquipélago da Madeira.

 

 

tags:
 O que é? | partilhar

Editado por Fernando Martins | Sábado, 29 Maio , 2010, 13:02

 

Arte na Rua: a caminho do Campo Grande

tags:
 O que é? | partilhar

Editado por Fernando Martins | Quinta-feira, 15 Abril , 2010, 19:27
tags:
 O que é? | partilhar

Editado por Fernando Martins | Domingo, 28 Março , 2010, 11:55

 

 

Painel Cerâmico de Zé Augusto

 

Na rotunda da cintura interna, na Cale da Vila,  foi inaugurado um painel cerâmico do artista aveirense Zé Augusto, para assinalar a ligação ferroviária ao Porto de Aveiro e as novas estruturas rodoviárias que lhe estão ligadas.

Sempre gostei de arte nas ruas da cidade. De qualquer cidade e mesmo das vilas e aldeias. É uma forma positiva de educar a sensibilidade artística do povo local e de quem por elas passa. Congratulo-me, por isso.

Acresce o facto de o painel ser da autoria de um dos mais expressivos artistas aveirenses desta área, já representado, também numa obra da responsabilidade da APA (Administração do Porto de Aveiro), no paredão da Meia-Laranja, na Praia da Barra. Aqui fica o convite aos meus amigos para que passem por lá para apreciar mais este trabalho de Zé Augusto.

 

FM

tags:
 O que é? | partilhar

Editado por Fernando Martins | Sexta-feira, 26 Março , 2010, 11:48

 

 

Prémio SIGNIS para «O Laço Branco»

 

 

“O Laço Branco” (Das Weisse Band) de Michael Haneke (Áustria) ganhou o Prémio para melhor filme europeu 2009 atribuído pela SIGNIS-Europa.

O Prémio  será entregue na cerimónia de encerramento do Festival Internacional de Alba (em Torino, Itália) no dia 9 de Maio.

Em “O Laço Branco” –um filme que se apresenta à partida como um rígido fresco a preto e branco, dividido em episódios - Michael Haneke reflecte sobre as raízes do mal numa pequena comunidade fechada da Alemanha à beira do início da Primeira Guerra Mundial. Num estilo cinematográfico simultaneamente clássico e inovador, a história é inquietante e desigual.

“À Procura de Eric”, de Ken Loach (Reino Unido), arrecadou o segundo lugar, seguindo-se “O Profeta” de Jacques Audiard (França) e, em quarto lugar, “Lourdes”, de Jessica Haussner (Áustria). Finalmente, em quinto lugar ficou classificado “Welcome” de Philippe Lioret (França). O filme vencedor foi seleccionado após duas rondas de votação em que participaram vinte e seis associações nacionais da SIGNIS Europa.

A SIGNIS-Europa é uma das seis regiões da SIGNIS - Associação Mundial Católica para a Comunicação.

 Todos os anos a SIGNIS-Europa atribui um prémio ao melhor filme europeu do ano. O prémio tem como finalidade promover e suscitar o interesse pelo cinema europeu seleccionando filmes quer pelo seu elevado nível de qualidade cinematográfica quer pelo valor dos seus temas.

 

(Com a Signis – Associação Mundial Católica para a Comunicação)

 

Fonte: Ecclesia

tags:
 O que é? | partilhar

Editado por Fernando Martins | Quinta-feira, 25 Março , 2010, 20:13
tags:
 O que é? | partilhar

Editado por Fernando Martins | Quinta-feira, 25 Março , 2010, 18:53

 

 

   Carlos Duarte, à esquerda, com alunos da US

 

 

 

Exposição patente até 6 de Junho no Centro Cultural 

 

   

Hoje, dia 25, alguns  alunos da disciplina fotografia/comunicação estiveram no Centro Cultural de Ílhavo a visitar a exposição de fotografia do fotojornalista Eduardo Gageiro

Eduardo Gageiro, 75 anos, tem ainda como sonho  fotografar os campos de refugiados pelo mundo e até já tem o apoio da ONU, mas uma grave doença não lhe vai permitir concretizar esse sonho, de momento. Agora são as exposições em Tábua, onde recebe a medalha de ouro da Câmara Municipal, depois é a exposição no Cairo (Egipto), seguindo-se Foz Côa, além de continuar a trabalhar como freelancer para a Cartier, Yamanha, Deutche Gramophone e Assembleia da República.

 

 

 

 

Tem publicado vários livros, com destaque para “Esta estranha Lisboa”, “Gente” e “Mulher”, e recentemente publicou “Fé” e “Silêncios”, este com fotografias de Jorge Sampaio, Cavaco e Silva, António Vitorino de Almeida, Ramalho Eanes, António Champalimaud ou Maria João Pires, entre outros, que posaram especialmente para Eduardo Gageiro.

Sobre a evolução da fotografia diz:…. "A diferença é o pormenor. Fundamentalmente a nossa cabeça é um computador que vai acumulando factos. E, quando fotografamos, esses factos reflectem-se todos. É a nossa vivência. Por isso é que eu acho que ter trabalhado na Fábrica de Loiças de Sacavém teve uma influência profunda em mim, porque eu olho as pessoas de uma maneira mais humana, com mais amor. Eu não podia ter outra profissão senão esta”.

 

CD 

 

 O que é? | partilhar

Editado por Fernando Martins | Segunda-feira, 15 Março , 2010, 10:00

 
 
Uma obra para ler e reler
 
 

 

Esta obra, a que recorro várias vezes desde que o comprei, vale por todo o seu conteúdo. Pelas concepções de beleza através dos séculos e pelas belas ilustrações que enfeitam e explicam cada página.
Estou convicto de que nem sempre sabemos definir o que é belo ou feio. O que sabemos é que há imagens que nos atraem e outras que nos afastam, embora mereçam a contemplação de outros. O contrário também é verdade.
Recomendo esta leitura porque a viagem que somos  convidados a percorrer através dos mais diversos períodos históricos, por especialistas destas áreas da arte, afinal os verdadeiros retratos da beleza de todos os tempos, proporciona-nos horas de deleite sem medida.
 
FM
 

 

 

tags: ,
 O que é? | partilhar

Editado por Fernando Martins | Quarta-feira, 10 Março , 2010, 19:13

 
 
 
 
 
Fotografia é arte
 
 
 
 
 
Temos por vezes o hábito de pensar que conhecemos tudo o que existe na nossa terra: gentes, instituições públicas e privadas, paisagens, ruas e ruelas, monumentos e tudo o mais que possa imaginar-se. Puro engano. Já por cá ando e vivo há mais de sete décadas, convencido de que conheço tudo e que sei tudo o que diz respeito à Gafanha da Nazaré. Afinal, hei-de morrer, quando Deus quiser, levando comigo poucos conhecimentos.
Soube hoje, por pura coincidência, que mora na Barra, onde nasceu, um artista da fotografia. É ele Paulo Montalvão Schmidt, cujo “site”, sua morada virtual (http://www.pmsfotografia.com/), já tive o cuidado de apreciar.
Debaixo da sua foto há um pequeno texto que reflecte, com rigor, a definição  de fotografia artística, com a qual concordo plenamente.
Reza assim:
 
«Fotografia é mais que um registo, uma história, que uma imagem… é também uma forma de expressão artística.
Dominar a técnica é apenas o início da liberdade do fotógrafo… a partir daí será o talento, a inspiração e a transpiração, que irá fazer a diferença.»
Mais adiante, quando se refere à  fotografia de um casamento, lembra que «é fundamental captar a intensidade dos momentos e a carga emocional… é um trabalho de foto-reportagem de elevada responsabilidade, onde a capacidade do fotógrafo, ao envolver-se sem interferir, é determinante.»
 
O seu “site” merece uma visita. Apreciar os seus trabalhos é uma obrigação de quem gosta de arte…
 
FM
 O que é? | partilhar

Editado por Fernando Martins | Quarta-feira, 10 Março , 2010, 17:41

 

A arte terá nascido como expressão da vida, dos sentimentos e das emoções. É uma forma de comunicar por excelência. E quando está na rua, se quem passa tem o mínimo de sensibilidade, não pode deixar de lhe  tocar na alma. Este cubo, que pode ser apreciado na Praça da República (ia a escrever José  Estêvão), com a sua fisionomia petrificada, como que a esquivar-se do colorido das faces laterais, está no sítio certo. Por lá passa muita gente. Muita gente que nem tempo tem para olhar.

tags:
 O que é? | partilhar

Editado por Fernando Martins | Sábado, 27 Fevereiro , 2010, 12:14
Hoje, o meu blogue fica, mais uma vez, valorizado por esta reportagem do comandante José Vilarinho, em cruzeiro por paragens de sonho. Vale a pena ler, apreciar as fotos, referenciadas no texto, e sonhar. Sonhar, por enquanto, náo custa dinheiro.
FM  

NOTA: Clique nas imagens para saber onde está

 

 

 

PETRA deixa qualquer um sem palavras

Por José Vilarinho
 
 
 
 
Os dias vão passando   e embora o cruzeiro seja de sete dias para o Norte e de sete dias para o Sul, sempre há coisas novas e um nunca mais acabar de maravilhas a desfrutar.
Estas maravilhas não podia deixar de as partilhar consigo e seus leitores, pois   a beleza e a historia por detrás de PETRA deixa qualquer   um sem palavras. Não é por acaso que PETRA foi considerada uma das novas sete maravilhas do Mundo  e votada como Património Mundial pela Unesco.. PETRA fica a duas horas de distância da cidade de Aqaba e é servida por uma excelente estrada de acesso.
 A região foi ocupada em 1200 aC pela tribo dos Edomitas. Durante o século VI aC a zona foi colonizada pelos NABATEUS.
 
 
 
 
PETRA continuou a prosperar sob o domínio dos NABATEUS até ao ano em que um terramoto destruiu quase metade da cidade. Contudo, a cidade não morreu: após este acontecimento, muitos dos edifícios "antigos" foram derrubados e reutilizados para a construção de novos, em particular igrejas e edifícios públicos.
 
 
 O que é? | partilhar

Editado por Fernando Martins | Terça-feira, 16 Fevereiro , 2010, 19:00

 

Exposição até 21 de Março

 
O III Sarau InterEscolas (Encontro das Escolas do Município de Ílhavo), organizado pela Câmara Municipal, vai ter lugar no próximo dia 19, sexta-feira, pelas 21 horas, no Centro Cultural, com entradas gratuitas. Trata-se de um excelente trabalho desenvolvido pelas Escolas Secundárias e EB 2, 3 do nosso município.
A exposição, que será inaugurada antes do Sarau, terá como áreas artísticas o desenho, a escultura e a instalação.
As temáticas serão orientadas por três áreas distintas, mas também confluentes: a tolerância, o imaginário e as nossas histórias. Uma exposição original a não perder.
Estará patente até 21 de Março.
tags: ,
 O que é? | partilhar

Editado por Fernando Martins | Quinta-feira, 11 Fevereiro , 2010, 11:01
Casa Major Pessoa


« candidatura apresentada pela Câmara Municipal de Aveiro aos fundos comunitários do projecto Art Nouveau & Ecologie, do programa europeu Culture 2007-2013, foi aprovada, segundo revelou ontem à Lusa uma fonte da autarquia.
O município de Aveiro vai passar a receber, durante cinco anos, um financiamento anual de 50 mil euros para acções no âmbito da preservação e divulgação do extenso património de edifícios do estilo Arte Nova, que constituem uma marca identitária da cidade. A candidatura da autarquia foi inserida no Plano Estratégico para o Concelho de Aveiro (PECA), considerado pelo presidente da câmara municipal, Élio Maia, como "um documento orientador para a próxima década, guião das opções de fundo e dos objectivos e dos tempos para os concretizar".»

Leia mais aqui
tags: ,
 O que é? | partilhar

Editado por Fernando Martins | Quarta-feira, 10 Fevereiro , 2010, 10:15

A Igreja precisa
de um virar de página

Por José Tolentino Mendonça


Na linha dos seus predecessores, o Papa Bento XVI tem declarado que a Igreja precisa de celebrar um novo pacto criativo com o mundo das Artes. São palavras para tomar a sério e traduzir em cada realidade nacional. Não há razões para a Igreja realizar a sua missão (que tão intimamente se liga não só à Verdade e ao Bem, mas também à Beleza) de costas voltadas para os grandes criadores do seu tempo. Um catolicismo que descure a expressão da Beleza é seguramente um catolicismo diminuído.
A Beleza para a Igreja não é um ornamento. Se o Mistério de Deus se soletra pela tríade Verdade, Bem e Beleza, quer dizer que esta última integra o património íntimo que dá substância à própria Fé. Sem a Beleza a experiência cristã permanece incompleta, por que Deus é Beleza, esplendor, glória. Nós sabemos bem os riscos de um cristianismo puramente histórico, articulado simplesmente entre convicções e práticas.


 O cristianismo é também um sobressalto de infinito, paixão pelo absoluto, uma epifania que nos transcende, uma inexplicável emoção que nos derruba nos caminhos de Damasco que são os de todas as vidas. Dizia o Papa Paulo VI aos Artistas, num discurso que Bento XVI tem citado: "Nós temos necessidade de vós. O nosso ministério precisa da vossa colaboração. Porque, como sabeis, o Nosso ministério é pregar e tornar acessível e compreensível, aliás comovedor, o mundo do espírito, do invisível, do inefável, de Deus. E nesta operação... vós sois mestres. É a vossa profissão, a vossa missão; e a vossa arte é extrair do céu do espírito os seus tesouros e revesti-los de palavra, de cores, de formas de acessibilidade… E se a Nós viesse a faltar o vosso auxílio, o ministério tornar-se-ia balbuciante e incerto".
A Igreja em Portugal precisa de um virar de página nesta matéria. Há ainda demasiados subprodutos que circulam, numa espécie de contrafacção estética e de ruído. Urge uma estação de exigência e o celebrar de um compromisso capaz de dar à nossa Evangelização uma estética consistente, coerente e contemporânea.


tags:
 O que é? | partilhar

Editado por Fernando Martins | Quinta-feira, 21 Janeiro , 2010, 18:31

Trabalho de Cândido Teles


Autarquia quer estimular a criatividade
e homenagear figuras ilhavenses

A Câmara Municipal de Ílhavo aprovou a criação e atribuição dos Prémios “Artes Plásticas Cândido Teles” e “Design João Carlos Celestino Gomes” destinados a Alunos Finalistas em Artes Plásticas e Design das Escolas Superiores destas áreas, a nível nacional, relativos ao ano lectivo 2009/2010.
Com a atribuição destes prémios, a CMI pretende, além de estimular a criatividade artística, homenagear duas das mais importantes personalidades da cultura ilhavense, num projecto que se pretende afirmar como um dos mais importantes prémios a nível nacional.
Enquanto entidade promotora e patrocinadora deste evento, a autarquia atribuirá dois prémios de aquisição a duas obras seleccionadas pelo Júri constituído para o efeito, sendo cada um dos prémios — “Artes Plásticas Cândido Teles” e “Design João Carlos Celestino Gomes” — do valor de 1250 euros.
Todos os alunos interessados em participar deverão enviar até ao dia 30 de Abril de 2010, para o Centro Cultural de Ílhavo, a respectiva candidatura utilizando para o efeito os meios de comunicação habituais (e-mail e correio).

tags:
 O que é? | partilhar

mais sobre mim
Junho 2010
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9

15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


arquivos
as minhas fotos
pesquisar neste blog
 
Contador - 1
blogs SAPO
subscrever feeds