de Fernando Martins
Editado por Fernando Martins | Quarta-feira, 19 Julho , 2006, 07:43


PMA:
com ou sem lei?




É legítima a pergunta. De facto, o tratamento médico da infertilidade, como qualquer outro tratamento do âmbito dos cuidados de saúde, não justificaria, por si só, a intervenção do legislador, fosse ele o Governo ou a Assembleia da República. E outros processos de tratamento da infertilidade, que não a PMA, como é o caso da desobstrução cirúrgica das trompas, não são objecto de preocupação dos legisladores. Basta a regra básica da actividade médica que é a de o médico agir sempre segundo as regras da boa prática científica e técnica, as leges artis dos juristas.
Assim sendo, algo deve acontecer na PMA que ultrapassa a intervenção médico-técnica e que impôs a intervenção do legislador. E acontece: a PMA é um acto médico que extravasa da simples intenção terapêutica de curar a infertilidade, para campos não médicos e claramente sociais. E é a repercussão na sociedade e suas estruturas básicas, como a família, que impôs, e bem, a intervenção da Assembleia da República.
Se o fez da melhor maneira, isso é matéria controversa.
:
Leia mais em Ecclesia
 O que é? | partilhar

Anónimo a 8 de Agosto de 2006 às 17:12
Here (http://541.duts.at) are some links that I believe will be interested

Anónimo a 12 de Agosto de 2006 às 07:35
I really enjoyed looking at your site, I found it very helpful indeed, keep up the good work.
» (http://hebie.at/abgekartetes_spiel.html)

Anónimo a 17 de Agosto de 2006 às 13:00
Very pretty design! Keep up the good work. Thanks.
» (http://bzcx.be/a_crazy_game_of_poker_lyrics.html)

mais sobre mim
Julho 2006
D
S
T
Q
Q
S
S

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

22

24



arquivos
as minhas fotos
pesquisar neste blog
 
Contador - 1
blogs SAPO