de Fernando Martins
Editado por Fernando Martins | Domingo, 13 Agosto , 2006, 10:09


Não se vê saída
para o conflito
do Iraque



O Presidente Bush disse que o ataque terrorista frustrado pela polícia britânica vinha lembrar que os Estados Unidos estão "em guerra com fascistas islâmicos". Mas é difícil incluir a invasão do Iraque nessa "guerra", a não ser pela negativa, como incentivo ao terrorismo islâmico.
A maioria dos suspeitos agora detidos nasceu na Grã-Bretanha e teria ligações ao Paquistão. E foi a polícia, não a força militar, quem fez abortar os atentados.
Com a tragédia em curso no Líbano e na Palestina, tendo como pano de fundo a ameaça nuclear do Irão, a situação no Iraque recuou para segundo plano na actualidade informativa. Mas o que se passa ali merece atenção. Até porque os ataques israelitas reforçaram o sentimento antiamericano no Iraque. O próprio primeiro-ministro al-Maliki já se insurgiu contra bombardeamentos americanos em Sadr City.
O embaixador britânico em Bagdad, assim como dois generais americanos em serviço no Iraque (um deles comandante das forças dos EUA ali destacadas), coincidiram há dias numa conclusão inquietante: o mais provável é que o Iraque descambe para uma guerra civil aberta. Calcula-se que, actualmente, naquele país cerca de cem pessoas por dia, em média, sejam assassinadas pela violência sectária e religiosa.
:
Leia mais no DN
 O que é? | partilhar

Anónimo a 17 de Fevereiro de 2007 às 03:16
Keep up the good work » (http://www.citizen-watches-0.info/determining-timex-watch-age.html) » (http://www.purwaterfilters2.info/Consumer-reports-washer-dryer.html)

Anónimo a 17 de Março de 2007 às 00:18
Wonderful and informative web site. I used information from that site its great. » (http://film-editing-schools2.blogspot.com)

mais sobre mim
Agosto 2006
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9
12

15




arquivos
as minhas fotos
pesquisar neste blog
 
Contador - 1
blogs SAPO